Bem Casado – Receita

Bem Casado – Receita

bem casadoSe tem um clássico que resiste a todas as modas no mundo dos casamentos é o Bem Casado! Pode mudar a embalagem, pode inovar no recheio, mas ele está sempre lá. Se você quer aproveitar esse mercado e começar a fazer para vender, ou mesmo se só não quer ter que esperar o próximo casamento pra se deliciar com um, vem ver como fazer!

Bem Casado

Ingredientes:
Massa
6 ovos (grandes)
6 colheres de sopa rasas de açúcar peneirado
1 colher de chá de fermento em pó
6 colheres de sopa (rasas) de farinha de trigo peneirada

Recheio
1 lata de leite condensado ou uma lata de doce de leite

Calda
500g de açúcar de confeiteiro
150ml de água
1 colher de sopa de suco de limão (opcional)

Como fazer:

O grande truque pra um bem casado gostoso é tirar o famoso cheiro de ovo. Pra isso separe as claras das gemas e bata as claras em neve na batedeira. Coloque as gemas, uma por uma, em uma peneira e espete com um garfo para que somente o líquido escorra para outro recipiente. Não pressione, deixe escorrer sozinho, assim a película ficará na peneira, e é ela que dá aquele cheiro mais forte.
Quando as claras estiverem em ponto de neve coloque as gemas escorridas e bata por mais 10 minutos. Esse é o segundo segredo pra tirar o cheiro, bater bem as gemas!
Acrescente o açúcar e bata mais 10 minutos.
Desligue a batedeira e adicione a farinha e o fermento mexendo levemente com uma colher de pau ou com um fouet. Pare de mexer assim que a massa estiver homogênea, para garantir que fique bem fofa.
Agora você tem três opções, o método tradicional, que é assar em uma forma inteira e depois usar um cortador redondo, ou com um saco de confeitar colocar porções da massa na assadeira para já ficarem redondinhas, ou usar formas específicas para bem casado, que já tem o espaço de cada porção de massa (como essas aqui).
Se optar pela forma tradicional com cortador o ideal é que a forma seja retangular, o tamanho pode variar, se ficar muito alto você pode cortar ao meio para rechear. Unte ou forre a forma com papel manteiga e despeje a massa (se necessário arrume com uma espátula para que fique bem reta). Asse em forno pré aquecido a 200 graus, por cerca de 15 minutos, ou até que esteja dourado por cima.Depois de assado deixe esfriar um pouco e corte com cortador redondo de 5 cm de diâmetro.
Se optar pelas porções de massa unte ou forre o fundo da forma com papel manteiga, disponha as porções de massa, deixando espaço entre elas, e asse em forno pré aquecido a 200 graus por 8 minutos, ou até ficar dourado. Retire da assadeira ainda quente.
O recheio tradicional é o de doce de leite, que você pode comprar pronto, ou fazer em casa cozinhando uma lata de leite condensado na panela de pressão. (Já expliquei aqui como fazer)
Com um saco de confeitar ou com uma colher coloque o doce de leite do meio dos discos de massa, sem chegar até a borda, e cubra com outro disco, fazendo um sanduíche e apertando levemente para que o recheio chegue até a borda.
Para a calda aqueça a água e dissolva o açúcar. Junte o suco de limão e mantenha em banho maria para ficar mais fácil de manusear. Coloque cada bem casado em um garfo e banhe com a calda usando uma colher. Deixe secar sobre uma grelha até a calda secar e ficar uma casquinha esbranquiçada.
Embrulhe em quadrados de 17 x 17 cm de papel celofane e depois embale em papel crepom na mesma medida, finalizando com uma fita ou uma etiqueta.

Churros caseiros – receita simples

Churros caseiros – receita simples

churros doce de leiteEu tenho uma teoria de que qualquer coisa frita fica mais gostosa. Churros é mais ou menos isso, uma massa frita, passada no açúcar e ainda recheada com doce de leite! Uma amiga me passou uma receita super simples de churros para fazer em casa, e garantiu que fica uma delícia! Quer testar? Anota aí:

Churros caseiros

Ingredientes:
1 e 1/2 xícaras de chá de leite
1/2 xícara de chá de água
2 colheres de margarina ou manteiga
2 xícaras de chá de farinha de trigo
uma pitada de sal
óleo suficiente para fritar
Açúcar e canela a gosto para finalizar
Doce de leite ou outro acompanhamento

Como fazer:
Coloque em uma panela o leite, a água, a manteiga, o sal e leve ao fogo médio.
Quando o leite ferver coloque a farinha e mexa bem, com força, até formar uma massa mais seca, que solte da panela e forme uma bola.
Espere a massa esfriar, pode até colocar um pouco na geladeira, mas não muito para que o meio cozinhe depois.
Coloque a massa em um saco de confeiteiro grosso, não pode ser saquinho muito fino porque a massa é grossa, com o bico pitanga ou estrela grande.
Faça tirinhas do tamanho que quiser com a massa e frite em óleo quente até ficar dourado e sequinho.
Retire do óleo e deixe escorrer em papel toalha.
Misture um pouco de açúcar e canela (a gosto) em um prato e passe os churros por ela.
Dica: se fizer as tirinhas compridas fica difícil rechear sem ter equipamento próprio, aí é melhor servir com o doce de leite (ou outro acompanhamento) à parte, em um copinho ou tigelinha, para mergulhar. Se fizer no tamanho de mini churros dá pra usar um tubo, do tipo que algumas lanchonetes usam pra colocar ketchup, e rechear com o bico mesmo.

* Imagem ilustrativa, do @oquetemdesobremesa

Como fazer Alfajor caseiro

Como fazer Alfajor caseiro

receita de alfajorNa Argentina e no Uruguai o alfajor é um doce muito tradicional e possível de ser encontrado em todos os lugares, de várias marcas e valores. Aqui no Brasil temos apenas algumas opções de marcas, principalmente a mais cara (e não necessariamente a melhor, na minha opinião). A receita é simples, um sanduíche de biscoitos recheado com doce de leite e coberto com chocolate. Vem ver como fazer seu alfajor caseiro, que pode até ser comercializado.

Alfajor

Ingredientes:
Biscoito
1 xícara de chá de amido de milho
3 e ½ xícaras de chá de farinha de trigo
2 colheres de chá de fermento em pó
2 e ½ xícaras de chá de açúcar de confeiteiro
200 g de manteiga em temperatura ambiente
3 ovos
2 gemas
1 colher de sopa de essência de baunilha
Manteiga para untar e farinha de trigo para polvilhar
Recheio
400 g de doce de leite pastoso
Cobertura
1 kg de chocolate ao leite

Como fazer:
Na batedeira bata a manteiga (pode cortar em cubos antes para facilitar), o açúcar, os ovos e as gemas até obter um creme homogêneo. Acrescente a essência de baunilha. Junte os secos e bata até obter uma massa macia. Leve à geladeira para descansar por cerca de 1 hora.
Aqueça o forno a 180°C, unte uma assadeira grande com manteiga e polvilhe com farinha. Sobre uma superfície enfarinhada abra a massa com um rolo formando um retângulo com cerca de 0,5 cm de espessura. Use um cortador redondo (ou a boca de um copo) para formar discos de massa. Coloque os discos na assadeira, e leve ao forno por aproximadamente 15 minutos, até que estejam firmes e crescidos, mas ainda clarinhos. Retire do forno, solte os discos da assadeira e deixe esfriar. Espalhe uma camada farta de doce de leite sobre metade dos discos e cubra com os outros. O doce de leite pode ser nacional, argentino ou uruguaio, como preferir.
Derreta o chocolate, em banho-maria ou no microondas. Com um garfo, mergulhe os alfajores no chocolate, um a um, e deixe escorrer. Deixe o chocolate firmar colocando em uma grelha ou em papel manteiga. Se estiver muito calor no dia pode levar um pouco pra geladeira.

*A foto não é minha, peguei aqui.

Torta Alemã com Doce de Leite

Torta Alemã com Doce de Leite

torta alemã com doce de leiteNa semana passada postei no Instagram essa Torta Alemã do Cafeína (RJ), e a Francielly me pediu a receita. A composição dela é: creme alemão, doce de leite, chantilly e farofa de biscoito. Precisei dar uma pesquisada, não encontrei a receita exata, mas acho que cheguei em uma que se não for exatamente igual deve ficar muito próxima e tão deliciosa quanto!

Receita de Torta Alemã com Doce de Leite

Ingredientes:
3 pacotes de biscoito Maria
Leite para umedecer os biscoitos

1 lata de doce de leite (pode ser o leite condensado cozido)
300g de manteiga sem sal
300g de açúcar
3 latas de creme de leite gelado e sem soro
4 gemas
2 colheres de chá de baunilha

500g de creme de leite fresco para chantilly
3 colheres de sopa de açúcar

Como fazer:
Comece pelo creme batendo na batedeira 300g de manteiga com 300g de açúcar até obter um creme esbranquiçado. Acrescente as gemas, uma por vez, sem deixar de bater, até ficar um creme claro. Desligue a batedeira e junte o creme de leite e a baunilha só mexendo até ficar homogêneo.

Forre o fundo de uma forma redonda (de preferência com fundo removível) com papel alumínio ou filme plástico para facilitar na hora de desenformar. Faça uma primeira camada com os biscoitos levemente umedecidos no leite e cubra com uma camada do creme. Faça mais uma camada de biscoitos e dessa vez cubra com o doce de leite*. Repita mais uma camada de cada e reserve na geladeira.

Novamente na batedeira bata o creme de leite fresco com as 3 colheres de açúcar aumentando a velocidade até chegar no ponto de chantilly. Cuidado para não bater demais, pare assim que virar chantilly, deve levar entre 5 a 10 minutos.

Coloque o chantilly por cima da última camada de doce de leite da torta. Pode fazer uma camada fina e guardar o restante na geladeira para usar em outra receita.

Finalize com bastante biscoito triturado (no mixer, liquidificador ou até na mão, envolvendo em um pano de prato e amassando bem).

Sua torta alemã com doce de leite está pronto, agora deixe na geladeira por pelo menos 5 horas antes de servir, ou de um dia pro outro se possível.

 

* Caso opte pelo leite condensado cozido faça um dia antes para ter certeza que já estará frio quando for abrir a lata e utilizar.

Mimo Arte em Comemorar – Entrevista

Mimo Arte em Comemorar – Entrevista

A entrevista da Yeda da Mimo Arte em Comemorar é mais uma que eu adorei. A história é de uma grande mudança (como toda mudança deduzo que deve ter sido necessária uma dose extra de coragem!), que mostra a importância de alguém que nos incentive. Mais um motivo pra gostar do Fábio Porchat, agradecemos muuuito por ter incentivado a Yeda! A pior sobremesa dela deve ter sido uma situação terrível, mas eu ri imaginando…

1 – Por que escolheu trabalhar com doces? Conte um pouco da sua história, por favor.
Nunca escolhi! rsrsrs. Sou médica e desde criança faço e invento sobremesas. Uma amiga, também médica, pediu para que fizesse pães de mel para distribuir como lembrança de maternidade do seu sobrinho que ainda estava na barriga. ​Nunca tinha feito pães de mel e até o nascimento testei, misturei e inventei receitas até chegar a um resultado que apresentei a ela. Foi um enorme sucesso. Até aí, era um hobby e achava até graça dos elogios. Foi então que o ator e roteirista Fábio Porchat provou, amou, divulgou, e me convenceu a apostar e transformar o hobby em negócio. Nunca mais parei.

2 – Você come tudo que faz? Com que frequência?
Hahahahhaha. No início comia tuuudo! Engordei 20kg!!!! Claro que o bom senso me impede de continuar a devorar tudo o que faço, mas confesso que é difícil.

3 – Qual foi a melhor sobremesa que você já comeu? E a pior?
A melhor? Difícil…Doce de abóbora com coco da minha avó.
A pior foi um quindim branco e com cheiro de ovo com o “chef”  me olhando fixamente.
Foi duro.

4 – O que sempre tem de sobremesa pra você?
Pão de mel!

mimo arte em comemorar

O pão de mel da Mimo Arte em Comemorar é uma delícia mesmo, bem “gordo”, bem recheado, muito cheiroso e muito saboroso. Preciso até contar uma cena dessa semana… A Yeda me mandou duas novidades para experimentar, o doce de leite com flor de sal e o pão de mel no potinho (esses aí da foto). Eu comi um pouco de cada a tarde e guardei o que sobrou pro Super Colaborador experimentar também, porque ele tinha amado o pão de mel. Depois do jantar ele tava caçando um docinho, mas não se empolgou com o potinho. Até que eu abri a tampa e fiz ele sentir o cheiro. A expressão mudou! Cara de criança arteira, pegou da minha mão e saiu correndo pra comer tudo sozinho!